Vicente Celestino – Despeito Letra

Despeito
Vicente Celestino Letra:

Seria incapaz, sem motivos ter
De roubar-te a paz e de ofender
Sim, a outra jurei despeitadamente
Que nunca te amei e por ti somente

E ainda vens me recriminar
Coração não tens e que vou provar
Se a certeza tinhas de que te trai
Procurar não vinhas o perdão a ti

Mas se arrependida realmente estais
Como vens a mim hoje confessar
Deixa-me dizer-te que perdi a paz
Quando um dia vi, outro te beijar

Eu pensei morrer, pensei enlouquecer
Me responde agora, tive ou não razão
Quando a tal senhora, só por despeito jurei
Que meu coração, nunca te ofertei

Eu pensei morrer, pensei enlouquecer
Me responde agora, tive ou não razão
Quando a tal senhora, só por despeito jurei
Que meu coração, nunca te ofertei

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *